sábado, 28 de agosto de 2010

Fundamentos de engenharia de petróleo

Li esse livro enquanto estudava para o concurso da Petrobras. A obra foi preparada por uma grande equipe de especialistas em petróleo e nas diversas fases do processo de sua extração. Não pretendo, por enquanto, fazer outros posts a respeito, mas isso nem de longe significa que eu não tenha apreciado a leitura. Ao contrário, fiquei impressionado ao constatar a trabalheira que dá identificar um local para cavar um poço. É um trabalho que toma vários anos, e cuja taxa de acerto é de apenas 47%. Muitos conhecimentos de física e geologia entram nessa fase. Além disso, fiquei impressionado também com a tecnologia envolvida na perfuração de poços, nos métodos de extração e em muitos detalhes do processo todo. Descobri ainda que um reservatório típico só permite a extração de cerca de 30% do petróleo nele contido, e que é na ampliação dessa capacidade que muitos especialistas veem um futuro promissor para o ramo. Não posso dizer que entendi o livro todo, mas o contato com todo esse ramo da engenharia e das ciências aplicadas me foi muito agradável. Além do mais, me fez lembrar de um desejo que tenho há quase dez anos: o de, um dia, estudar geologia bem mais profundamente.

Um comentário:

  1. muito bom, já me tornei seu seguidor, se puder faça o mesmo. Abraços!

    ResponderExcluir